BANNER---REVISTA-MÍDIA---980-x-250-PX.jp

Professor de Direito fala sobre os cuidados na Black Friday

Por Marcelo Chiavassa



Com a chegada da Black Friday devemos observar a intensificação das vendas por e-commerce. Esse cenário terá um aumento ainda maior em decorrência do estado pandêmico que vivemos, uma vez que a realização de compras online se tornou a melhor opção para quem quer se proteger e evitar aglomerações. Junto a isso, é comum também que, diante das ofertas ‘boas demais para serem verdade’, algumas pessoas acabem sendo vítimas de golpes no ambiente virtual.


E o que fazer para evitar essas armadilhas na hora de fazer suas compras online?


1 - Um ponto muito importante é garantir a segurança durante o pagamento quando utilizado cartões de crédito. É sempre muito pertinente verificar se, na página onde serão inseridas as informações do cartão, há um cadeado na barra de pesquisa, que indica que aquela página é criptografada;


2 - Também em relação ao pagamento, é sempre bom evitar a realização de transferências bancárias, pois essa é uma forma de pagamento que não possibilita o estorno caso haja alguma irregularidade;


3 - Realize pesquisas sobre o site que está ofertando o produto: sua proveniência, se outras pessoas já compraram nele e quais as suas referências. Sites como o do Procon SP (principalmente a lista de sites não recomendados) e o consumidor.gov.br são de grande ajuda nessa pesquisa;


4 - É sempre bom evitar a realização de compras por meio de links, como por exemplo promoções recebidas pelo WhatsApp. O acesso ao produto diretamente do site é a melhor alternativa para garantir que você não será vítima de golpe;


5 - Pesquise o produto desejado antes do início das promoções de Black Friday, podendo comparar os preços depois, para garantir que as lojas não estão praticando preços abusivos ou oferecendo falsos descontos;


6 - O Código de Defesa do Consumidor permite a desistência da compra (comércio eletrônico) em até 7 dias úteis, sem ônus para o consumidor e sem a necessidade de explicar o motivo.


É importante ter cautela nas compras online. Por mais tentadoras que algumas promoções possam parecer, muitas vezes foram criadas com o intuito de ludibriar o usuário a comprar no impulso, diante da evidente vantagem, mas muitas vezes o resultado pode não ser o esperado. Em caso de problemas, não hesite em buscar seus direitos por meio do PROCON e, principalmente, do consumidor.gov.br, ferramenta que vem sendo de grande ajuda à população.


***Marcelo Chiavassa é professor de Direito Digital da Universidade Presbiteriana Mackenzie Campinas.


Sobre a Universidade Presbiteriana Mackenzie


A Universidade Presbiteriana Mackenzie está na 103º posição entre as melhores instituições de ensino da América Latina, segundo a pesquisa QS Quacquarelli Symonds University Rankings, uma organização internacional de pesquisa educacional, que avalia o desempenho de instituições de ensino médio, superior e pós-graduação. Possui três campino estado de São Paulo, em Higienópolis, Alphaville e Campinas. Os cursos oferecidos pelo Mackenzie contemplam Graduação, Pós-Graduação Mestrado e Doutorado, Pós-Graduação Especialização, Extensão, EaD, Cursos In Company e Centro de Línguas Estrangeiras.

Em 2021, serão comemorados os 150 anos da instituição no Brasil. Ao longo deste período, a instituição manteve-se fiel aos valores confessionais vinculados à sua origem na Igreja Presbiteriana do Brasil.


0 comentário

Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

wtzp.png
clinimplant1.jpg

©2020 por Portal Mídia Brasil ®

Av. Conde Ribeiro do Valle, 255  - 2º Andar - Sala 8

E-mail: revistamidia@revistamidia.com.br

Tel. (35) 3551-2040 - Guaxupé  MG