top of page
consórcio 980x250.jpg

Sicredi fomenta a geração de energia solar em Minas Gerais

Número de financiamentos na Instituição cresceu em relação a 2019


O Sicredi liberou, em 2020, mais de R$ 58 milhões em financiamentos para novas unidades de geração fotovoltaica em Minas Gerais, o que representa aumento em relação ao ano anterior. Conforme balanço da instituição financeira cooperativa, no ano passado, na área de atuação do Sicredi no estado, foram financiados 652 equipamentos em 39 municípios.


“Mesmo enfrentando um ano de desafios, continuamos estimulando o desenvolvimentosustentável, gerando impacto positivo nas regiões onde atuamos. Para o final de 2021, a expectativa é de chegar a mais de 80 agências em cerca de 70 municípios, o que permitirá ampliar para mais pessoas a disponibilidade de produtos e serviços que contribuam para simplificar a vida financeira e melhorar qualidade de vida dos associados e de toda a sociedade”, destaca o vice-presidente da Central Sicredi Sul/Sudeste, Márcio Port.


Continua após a publicidade


Ao longo dos últimos anos, vários projetos voltados para a instalação de energia solar foram viabilizados junto à Sicredi das Culturas RS/MG, tanto em empresas, residências ou em propriedades rurais. Entre eles, está a o investimento feito pela associada Cecília Ribeiro do Vale em sua propriedade rural, com a instalação de mais de 120 placas solares. A relação dela com a cooperativa iniciou por intermédio dos filhos Flávio e Cristina. “Nossa relação começou com um conato rápido, muito fácil de fazer, sem toda aquela burocracia”, resume a associada, definindo o contato com a equipe de atendimento como simples e eficiente. Além do investimento realizado através de modalidade específica para voltada a energia solar, a família também desenvolve a sua propriedade rural através de linhas voltadas ao agronegócio.


Conforme destaca o gerente do Sicredi em Guaxupé, Elias Bussler, “estamos sempre atentos às necessidades dos nossos associados e o desenvolvimento sustentável tem sido um assunto que vem sendo amplamente discutido, pois representa uma visão de futuro que considera questões tanto econômicas quanto ambientais. E como instituição financeira cooperativa estamos inseridos nesta iniciativa, disponibilizando uma linha específica para quem deseja investir na sustentabilidade”. Dados da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar) indicam que a energia solar produzida no país representa 1,7% do total da matriz elétrica nacional. No ranking brasileiro de potência instalada, Minas Gerais lidera com mais de 862 MW, seguida de São Paulo e do Rio Grande do Sul.

Comments


wtzp.png

Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

bottom of page