top of page
consórcio 980x250.jpg

RETINOBLASTOMA: "DE OLHO NOS OLHINHOS" ACONTECE DIA 4 DE NOVEMBRO EM GUAXUPÉ


O Conselho Brasileiro de Oftalmologia em parceria com o Instituto Nehemy Costa, de Guaxupé, farão uma ação conjunta para o diagnóstico precoce do retinoblastoma, um tumor maligno raro originário das células da retina – parte do olho responsável pela visão – afetando um ou ambos os olhos. É o tumor primário mais comum no olho de crianças e tende a ocorrer no início da infância ou em lactentes e pode estar presente ao nascimento.


Esta ação do bem faz parte do programa "De Olho nos Olhinhos", idealizada pelo jornalista Tiago Leifert e a esposa dele, a também jornalista Daiana Garbin. A filha do casal, Lua, foi diagnosticada com a doença aos 11 meses de idade.


Com a criação da campanha "De Olho nos Olhinhos", o casal quer levar informações que eles gostariam de ter tido acesso e que poderiam ter levado Lua a um diagnóstico precoce.


E é com esse mesmo engajamento que os médicos oftalmologistas Andréa Nehemy e Márcio Costa abraçaram essa causa. Eles cederão toda a estrutura do Instituto Nehemy Costa para o atendimento gratuito de crianças de 0 a 5 anos em prevenção à doença. O "De Olho nos Olhinhos" acontece no próximo dia 4 de novembro, em Guaxupé


Conforme os especialistas, o principal sintoma, presente em 90% dos casos diagnosticados, é a leucocoria, um reflexo branco na pupila, conhecido como ‘sinal do olho de gato’. Essa mancha esbranquiçada indica que uma fonte luminosa está incidindo sobre a superfície do tumor e impede a passagem de luz. Sem a passagem de luz, as vias óticas para o centro da visão, no cérebro, não se desenvolvem e atrofiam. Esse reflexo branco, muitas vezes, só é notado sob luz artificial, quando a pupila está dilatada, ou em fotos, quando o flash bate sobre os olhos. Em olhos saudáveis, esse reflexo é sempre vermelho. Outros sintomas que podem aparecer são estrabismo, vermelhidão, deformação do globo ocular, baixa visão, conjuntivite, inflamações, dor ocular.


Apesar de o principal sintoma ser a leucocoria, o seu aparecimento significa que a doença já está em estágio avançado e as chances de salvar o olho da criança serão menores. Antes disso, a criança já pode apresentar como sintoma sensibilidade à luz (fotofobia) ou um desvio ocular, por exemplo, estrabismo. Por isso, é extremamente importante que, ao perceberem qualquer anormalidade nos olhos do filho, os pais procurem um médico o quanto antes. O diagnóstico precoce possibilita o tratamento adequado e aumenta as possibilidades de preservar a visão e a vida da criança acometida pela doença.


Diagnóstico


O diagnóstico precoce do retinoblastoma é pré-requisito básico para o sucesso do tratamento. Ele pode ser realizado pelo neonatologista ainda na maternidade, ou nos exames de rotina pelo oftalmologista nos primeiros anos de vida da criança, utilizando o Teste do Reflexo Vermelho. O levantamento do histórico familiar, o exame de fundo do olho e o ultrassom fornecem elementos importantes para confirmar o diagnóstico.


Agendamento


Para participarem da ação "De Olho nos Olhinhos" os pais devem, primeiramente, fazer o agendamento através do telefone (35) 99811-9333 ou então CLIQUE AQUI. A equipe do Instituto Nehemy Costa passará todas as informações necessárias.


"É um dia para conscientizar e diagnosticar. É uma ação totalmente gratuita e é de extrema importância os pais fazerem o agendamento prévio através do telefone acima", finalizam os médicos Andréa Nehemy e Márcio Costa,



Kommentare


wtzp.png

Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

bottom of page