top of page
consórcio 980x250.jpg

Prefeitura de Guaxupé quer estender auxílio emergencial municipal até janeiro de 2022

Projeto de iniciativa conjunta do Prefeito e dos Vereadores prevê a extensão do Programa de Auxílio Emergencial


O Prefeito de Guaxupé, Heber Hamilton Quintella, enviou à Câmara de Vereadores de Guaxupé um projeto de lei que visa estender até o mês de janeiro de 2022 o pagamento do auxílio emergencial municipal. O benefício de R4 300/mês já está sendo pago aos cidadãos que foram aprovados neste Programa.


Continua após a publicidade


Segundo a Prefeitura, o projeto de lei é uma iniciativa conjunta do Prefeito de Guaxupé e dos vereadores municipais e tem como objetivo minimizar os impactos negativos da pandemia principalmente para famílias de baixa renda.


Cinco parcelas do benefício já foram concedidas a mais de mil famílias guaxupeanas e, no mês de setembro, está previsto o que até então seria a última parcela.


‘’Estamos unindo forças com os vereadores para a prorrogação do projeto devido a sua importância. A pandemia ainda não acabou e a luta dessas famílias continua. Apresentamos recentemente dados que demostram que 94% deste benefício é utilizado pelas famílias para a compra de alimentos. É para alimentação que quem recebe o benefício o está utilizando, para comprar comida!’’, explicou Heber.


Já há autorização para a concessão de mais 3 parcelas, porém, após avaliar o benefício trazido às famílias neste período de pandemia, o prefeito decidiu estender o auxílio emergencial até janeiro de 2022.


Segundo a Secretária de Desenvolvimento Social, o projeto é de extrema importância.


‘’Este benefício traz dignidade para as famílias em situação de vulnerabilidade social. Eu acredito que a continuidade do pagamento até janeiro de 2022 trará ainda mais benefícios para estas pessoas’’, disse.


Um dos principais parâmetros para a seleção das famílias é o Cadastro Único. No início do ano, as famílias em situação de pobreza e extrema pobreza tiveram acesso ao cadastramento do benefício e aquelas que se enquadraram no grupo foram contempladas. A princípio apenas seis parcelas seriam concedidas, mas visto que a pandemia continua afetando estas famílias, a viabilidade de extensão do projeto foi estudada e agora o projeto passa pela aprovação da Câmara de Vereadores de Guaxupé.

wtzp.png

Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

bottom of page