top of page
consórcio 980x250.jpg

GUAXUPEANA MARTA FERREIRA É DESTAQUE NA REVISTA CARAS


MARTA FERREIRA na Fazenda Monjolo Queimado (Foto: Ricardo Dias)

A história de dedicação ao agronegócio da guaxupeana Marta Ferreira é destaque na revista CARAS desta semana. Na edição nº 1570, de 8 de dezembro, ela conta um pouco de como trocou as salas de aulas pelo cultivo do café em uma bela publicação que conta com a parceria da revista MÍDIA, de Guaxupé.


Veja abaixo a íntegra da reportagem.


(Reprodução / Revista Caras)

A AMPLA SABEDORIA DE MARTA FERREIRA EM MINAS GERAIS, ELA TRANSFORMA SUA ROTINA POR MEIO DO AGRO


Seja na música, na cultura ou no agronegócio, o grande se- gredo do sucesso de Marta Ferreira (65) é a dedicação. Na gestão da fazenda Monjolo Queimado, situada em Jacuí, Minas Gerais, ela tem como

atividades o cultivo de café, abacate e feno.


“Sinto-me muito à vontade de atuar no agro, setor no qual as mulheres, cada vez mais, emprestam suas habilidades ao desenvolvimento e crescimento desta atividade essencial à prosperidade de nosso País”, declara Marta, que se dedica à tal função desde 2010.


Antes de se entregar ao campo, sua rotina acontecia dentro da sala de aula, atuando como pro- fessora de Piano e Canto Coral por mais de 30 anos. “Persistência, resiliência e disposição para adaptar- -se, além de muita vontade, são fundamentais para trabalhar em qualquer setor”, reflete ela.


Integrante da Associação dos Cafeicultores do Sudoeste de Minas, Marta defende a agricultura sustentável. “O agro é uma atividade complexa e trabalho não falta! A rotina exige um planejamento bem pensado, muita disciplina e, principalmente, um amor enorme. Difícil atuar nesta atividade se você não gosta dela”, afirma.

(Fonte: CARAS)





Comments


wtzp.png

Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

bottom of page