top of page
consórcio 980x250.jpg

Dom José Lanza Neto vai celebrar missa no Santuário de Santa Rita de Cássia neste domingo


Entre os dias 11 e 12 de março de 2023, o Santuário de Santa Rita de Cássia, em Cássia, realiza o seu 1º Encontro de Seminaristas com base no Ano Vocacional que teve início em 20 de novembro de 2022 e vai até 26 de novembro de 2023.


O tema do Ano Vocacional é “Vocação, Graça e Missão” que se fundamenta na afirmação de que “a vocação aparece realmente como um dom de graça e de aliança, como o mais belo e precioso segredo de nossa liberdade” e, o lema “Corações ardentes, pés a caminho”. Eles foram aprovados na 58ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). A iniciativa comemora os 40 anos do primeiro ano temático dedicado à reflexão, oração e promoção das vocações no país. A proposta foi apresentada pela Comissão Episcopal Pastoral para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB.


Programação


No dia 11 os seminaristas da Diocese de Guaxupé estarão reunidos no Santuário em um encontro de oração e partilha.


O dia 12 é aberto a toda comunidade e será um dia dedicado aos vocacionados, aqueles que estão convictos de sua inadequação, mas decide por Fé entender que DEUS lhe usará por estar querendo parecer com Cristo e, por isso, fazendo obras que produzem salvação nos mais profundos aspectos da vida dos habitantes e estruturas deste mundo.


Neste dia, a programação começa às 8h com a acolhida dos seminaristas e vocacionados no Santuário; às 9h, animação e oração vocacional e, às 10h, a Santa Missa presidida por Dom José Lanza Neto.

A Igreja do Brasil vive seu terceiro Ano Vocacional, um tempo intenso de evangelização com o espírito da Iniciação a Vida Cristã (IVC), segundo a inspiração catecumenal que introduz a pessoa na relação com Deus, com a pessoa de Jesus e na comunidade que também é missionária.


A escolha do tema e lema


O tema “Vocação: Graça e Missão” se fundamenta na afirmação de que “a vocação aparece realmente como um dom de graça e de aliança, como o mais belo e precioso segredo de nossa liberdade”, conforme o Documento Final de nº 78.


Já o texto bíblico iluminador “Jesus chamou e enviou os que ele mesmo quis (cf. Mc 3, 13-19)” ajuda a aprofundar que a origem, o centro e a meta de toda a vocação e missão é a pessoa de Jesus Cristo.


“Encarar o desafio de uma espiritualidade para o Ano Vocacional: “vocação” é iniciativa de Deus, é mistério, é graça, é experiência de encontro com Jesus, é fascínio e alegria, é assombro, é sensibilidade ao apelo, é inconformidade, é resposta pessoal, é envolvimento comunitário, é missão, é tarefa, é serviço, é disposição para o sacrifício, é entrega da vida, é coragem e determinação, é esperança e convicção firme, é testemunho de fé: é “espiritualidade” como a que moveu o próprio Jesus e marcou sua personalidade, imprimindo-lhe caráter e identidade”, disse a Comissão organizadora.


O lema “Corações ardentes, pés a caminho” (cf. Lc 24, 32-33) fala do coração e dos pés. Recorda os discípulos de Emaús. O coração que arde ao escutar a Palavra do Ressuscitado e os pés que se colocam a caminho para anunciar o encontro com o Cristo.


“Desejamos que o Ano Vocacional ajude cada pessoa a acolher o chamado de Jesus como graça, seja uma oportunidade para que mais e mais corações ardam e que os pés se ponham a caminho, em saída missionária”, finalizou a Comissão.


Mais informações: Quem não puder acompanhar a Missa presencialmente, pode assisti-la pelos canais do Santuário.

Comments


wtzp.png

Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

bottom of page