top of page
consórcio 980x250.jpg

Cooxupé inaugura usina fotovoltaica para geração de energia solar

Com seu novo projeto, a cooperativa cafeeira passou a produzir energia limpa para atender à maioria de suas unidades localizadas em Minas Gerais

Sempre preocupada com a sustentabilidade em todos os setores de produção, a Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé inaugurou e já colocou em operação a sua própria usina fotovoltaica. Com este grande projeto, pois, a Cooxupé passa a gerar energia solar. Ou seja, uma fonte limpa, que atenderá à maioria de suas unidades localizadas em Minas Gerais.


Usina fotovoltaica

Assim, com este investimento, a cooperativa passa a ter 12% de energia gerada através da energia solar (fotovoltaica). Além de 86% de energia das hidrelétricas e demais fontes renováveis (comprada do mercado livre, que atende à grande demanda das indústrias da Cooxupé). E o restante, de apenas 2%, comprado da CPFL, CEMIG e Energisa.

“Este projeto é uma continuidade da constante busca da Cooxupé em respeitar o meio ambiente, utilizar recursos renováveis e otimizar custos com a eficiência energética. A usina fotovoltaica é mais um passo da nossa cooperativa a caminho da sustentabilidade”, define o presidente da Cooxupé, Carlos Augusto Rodrigues de Melo.


Potência

Ao todo, a usina conta com 3.288 painéis fotovoltaicos, que produzirão em média 178 mil kW/mês. Portanto, chegando a 2.136.000 kW média/ano. Nesse sentido, a usina da Cooxupé tem a potência de 1.496,04 kWp.

Além disso, toda a estrutura é em solo, fator que facilita muito a sua limpeza, seu monitoramento. E, também, a sua manutenção.

“Não adianta só falar que existe uma preocupação com a sustentabilidade. Nosso objetivo é agir efetivamente para que os processos dentro da cooperativa gerem resultados benéficos a favor do meio ambiente e da sociedade como um todo”, finaliza Carlos Augusto.


(Fonte: Hub do Café)

Comments


wtzp.png

Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

bottom of page