BANNER---REVISTA-MÍDIA---980-x-250-PX.jp

Conheça Bruna Alecrim e saiba mais sobre tricologia e laser em estética





Olá! Sou Bruna Alecrim, Técnica em Estética (Araraquara-SP e Lisboa-Portugal), Técnica em Química (ETEC - Francisco Garcia), Técnica em Aplicação de Laser (Centros Únicos – Portugal e Espanha), cursando Especialização em Tricologia (US Thricology - EUA) e também Farmácia, pela Universidade Paulista (UNIP).


Sou proprietária da Clínica Bruna Alecrim Tricologia e iniciei no segmento de estética em 2010, com cursos em Araraquara. Logo nos primeiros cursos, descobri uma paixão: a ESTÉTICA.


Em 2012, estive na Inglaterra, onde fiz um intercâmbio por 6 meses. Depois, mudei-me para Portugal e, por ser cidadã portuguesa, pude trabalhar e estudar naquele país. Fiz muitos cursos e tive a oportunidade de trabalhar em grandes centros estéticos.


Em um desses centros estéticos, com apenas 6 meses, fui promovida a supervisora e, nesta função, obtive muita experiência e grande aprendizado. Em 2013, em uma franquia espanhola, fiz uma das minhas principais formações: Laser de diodo Light Sheer.


Os treinamentos aconteceram com os melhores profissionais internacionais que atuam com esta tecnologia e extraem dela os melhores resultados possíveis.


Em 2015, voltei ao Brasil e inauguramos nossa clínica. Neste tempo, através de pesquisas, apresentamos o método de tratamento para alopécias (calvície) com produtos e técnicas próprias: o método Unic Hair Loss Solution.


O fato de já ter uma formação na área química, juntamente com os conhecimentos estéticos, foram fundamentais para que o método apresentasse um ótima eficácia desde os primeiros pacientes.


Hoje, em Guaxupé, contamos com um espaço amplo, aconchegante e de fácil localização. Temos uma equipe dedicada e uma forma de trabalhar diferenciada: pacotes acessíveis com resultados e qualidade de grandes centros!


Trouxemos para a cidade uma maneira única e métodos exclusivos para Tratamentos de alopécias, além dos pacotes de tratamento a laser com valores acessíveis. Ambos são tratamentos com ótimos resultados.


Na tricologia, estamos investindo fortemente em cursos e tecnologias. Recentemente, fui contemplada com uma bolsa em um instituto norte-americano no qual faremos, em maio de 2021, um treinamento clínico em Nova York.


A tricologia estuda tudo relacionado ao couro cabeludo, ao cabelo e aos pelos. A calvície, também conhecida como alopécia, é uma doença caracterizada pela diminuição parcial ou total dos fios capilares.



TRICOLOGIA


Tipos de calvície


Alopécia androgenética: Seus primeiros sinais podem surgir na adolescência ou na idade adulta. É mais conhecida como calvície masculina e é resultado da alteração no ciclo de crescimento capilar normal, fazendo com que ele diminua de tamanho e densidade, ou seja, ficam mais curtos e finos. O folículo capilar sofre grande influência do hormônio DHT que é um dos principais causadores.

É uma patologia que não tem cura, mas tem tratamento e quanto mais rápido se inicia esse tratamento, melhores são as chances de redução dessa queda e preenchimento da região calva.


Alopécia areata: Além de alopécia androgenética, existe também a areata. Sua causa ainda é desconhecida, mas muitos acreditam que pode ser desencadeada por uma desordem autoimune ou estresse, por exemplo. É uma doença inflamatória que provoca queda de cabelo e falhas no couro cabeludo ou mesmo em outras partes do corpo como barba, sobrancelhas, braços e pernas. Nela há PERDA repentina de fios em certas áreas do couro cabeludo, fios estes que podem volte a nascer após resolução da causa ou após alguns meses. A boa notícia é que a alopécia areata não é contagiosa e mesmo que a doença provoque a perda total dos fios, eles sempre podem voltar a crescer novamente. Para isso, já existem diversos tratamentos e a melhor decisão é procurar um especialista.


Alopécia de padrão feminino: Na alopécia de padrão feminino existem várias alterações que podem gerar queda de cabelo: aplicação de químicas, alterações emocionais, hormonais, de sono, entre outras.


Homens x Mulheres


A calvície em homens costuma ter uma evolução mais rápida, enquanto nas mulheres os cabelos vão ficando mais finos e o couro cabeludo mais aparente. Em homens, afeta os fios localizados na parte superior do couro cabeludo por ser uma região de hormônio dependente, preservando a nuca e as laterais. Já nas mulheres, a queda não ocorre somente por alteração da testosterona, podendo ter acometimento difuso, ou seja, por igual em toda a cabeça ou em locais específicos que variam de acordo com a causa.




O tipo mais comum de perda de cabelo nos homens é a alopécia androgenética. Seus primeiros sinais podem surgir na adolescência ou na idade adulta e geralmente é um processo gradual e uniforme: passa imperceptível, até que um dia a calvície ou a área rarefeita aparece.





Muitos homens vêem a perda de cabelo como uma parte natural do ENVELHECIMENTO e não se incomodam. Outros querem ATRASAR ao máximo os SINAIS da calvície, não somente pela estética, mas pela saúde... afinal os cabelos protegem nossa pele da radiação do sol, prevenindo contra o CÂNCER de pele, inclusive.


Perguntas comuns

Quais as causas da calvície? Conforme estudos, a calvície é resultado da alteração no ciclo de crescimento capilar normal, fazendo com que ele diminua de tamanho e densidade, ou seja, ficam mais curtos e finos, o folículo capilar sofre grande influência do hormônio DHT que é um dos principais causadores. A calvície é androgenética, ou seja, tem um componente genético que GERALMENTE vem da parte da mãe, associada ao fator androgênico (característica individual).


Calvície tem cura? É uma patologia que não tem cura, mas tem tratamento e quanto mais rápido se inicia o tratamento, melhores são as chances de redução dessa queda e preenchimento da região calva. Em 80% dos casos tratados, em que o paciente procura no início da queda, temos uma melhora de 90% no total perdido.


Quais fatores contribuem para a calvície? A calvície ocorre quando esses fatores interagem: IDADE, GENÉTICA, HORMÔNIOS E ESTILO DE VIDA.


Como retardar a calvície? Estilo de vida, uso de medicamentos, dieta inadequada, ESTRESSE, sono, ANSIEDADE e outros fatores ambientais são todos considerados “ACELERADORES” da perda de cabelo. Portanto, MELHORE esses PONTOS!


O cabelo pode voltar a crescer? Sim, depois de identificar os motivos da queda e resolver os “aceleradores”, com o tratamento adequado após o exame de tricoscopia, é possível retardar o processo de queda e recuperar folículos.


Em quanto tempo verei o resultado do tratamento? Nossos tratamentos levam em média 10 meses, com resultados visíveis a partir dos primeiros meses, dependendo do grau de evolução e cuidado do paciente.


O que é Tricoscopia? Esta técnica de diagnóstico é um método simples e não invasivo. Ela pode ser utilizada como ferramenta útil para diagnosticar distúrbios comuns do cabelo do couro cabeludo. Além de ser uma ferramenta valiosa para o diagnóstico de uma série de doenças do couro cabeludo e dos cabelos, ela é ideal para avaliar a resposta de tratamentos em cada segmento afetado.


LASER


Modernidade, tecnologia e eficiência em um único equipamento com um design totalmente inovador e moderno, o LightSheer oferece um tratamento rápido, eficaz e confortável para a redução permanente de pelos.


O laser de diodo “padrão-ouro”, possui suas ponteiras: HS (HighSpeed) e a tradicional ET, ambos com a novo tecnologia integrada de Alta Velocidade (HIT™ - High SpeedIntegrated Technology), para tratar tanto em área grandes como pequenas.


- Segurança aumentada: a proteção da epiderme é feita através do resfriamento de contato com o ChillTip™.

- Conforto Aumentado: o resfriamento continuo da pele reduz significativamente a dor e o desconforto.

- Eficácia superior: A compressão da pele traz o folículo para mais perto da superfície, recua os vasos sanguíneos e reduz os cromóforos concorrentes. A fluência elevada permite o tratamento de áreas que requerem precisão, além de pelos finos e claros.


CONTATO:

BRUNA ALECRIM

Rua Francisco Vieira do Valle, 313

Telefone: (35) 99991-8208

Guaxupé - MG





0 comentário

Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

wtzp.png
clinimplant1.jpg

©2020 por Portal Mídia Brasil ®

Av. Conde Ribeiro do Valle, 255  - 2º Andar - Sala 8

E-mail: revistamidia@revistamidia.com.br

Tel. (35) 3551-2040 - Guaxupé  MG