BANNER---REVISTA-MÍDIA---980-x-250-PX.jp

Associações comerciais analisam possibilidade de adiar o Dia das Mães

Um grande número de Associações Comerciais de todo o Brasil defende adiamento do Dia das Mães para data unificada.


Em várias cidades brasileiras os comerciantes já estão se mobilizando e acionando as principais entidades setoriais do comércio para propor uma ação organizada para que Dia das Mães, a ser comemorado em 10 de maio próximo, seja adiado para nova data unificada, de modo a acompanhar os calendários de reativação da economia propostos pelo governo.


Um dos principais reflexos negativos da pandemia do Covid-19 tem sido o fechamento dos comércios considerados não essenciais e a consequente queda nas vendas em decorrência das medidas de isolamento social determinadas pelo governo, como no Estado de São Paulo, que aerá vigentes até o dia 11 de maio, data posterior ao Dia das Mães.


Na tentativa de buscar uma solução unificada, a Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto enviou ofícios à FACESP (Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo), Fecomercio (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo), CACB (Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil) e CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), além de outras entidades setoriais, sugerindo que se articulem com urgência para propor uma solução única para essa questão.


Publicidade



A entidade sugere duas possibilidades: o dia 31 de maio, último domingo do mês, ou o segundo final de semana de junho, que representaria o adiamento da data em aproximadamente um mês. Ambas estariam próximas do dia 10 de maio, o que colaboraria para manter o público engajado, considerando a existência de campanhas publicitárias e o próprio planejamento do consumidor. Junho, especificamente, tem a proximidade com o Dia dos Namorados, o que pode ser positivo para setores que se beneficiam com as duas datas.


A presidente do Sindicato dos Empregados do Comércio de Ribeirão Preto, Regina Pessoti Zagretti, defende que a melhor data para realocar o Dia das Mães seria o segundo domingo do mês de junho (dia 14).


Pesquisa ACIRP sobre alteração do dia das mães


Na tentativa de apresentar uma solução para a questão, a ACIRP realizou uma pesquisa com comerciantes e empresários em geral. Duas perguntas foram feitas aos entrevistados: a primeira foi se eles consideram favorável o adiamento da comemoração e 63,5% responderam que sim. Na segunda questão, foram oferecidas duas sugestões de data– 31 de maio e o segundo final de semana d junho. Na preferência dos participantes prevaleceu o adiamento para junho (43,9%); 33,7% optariam pelo último domingo de maio e 22,4% se disseram indiferentes às datas. Foram consideradas 323 respostas.


Publicidade


Receba notícias do Portal MÍDIA no WhatsApp!

Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI

wtzp.png
clinimplant1.jpg

©2020 por Portal Mídia Brasil ®

Av. Conde Ribeiro do Valle, 255  - 2º Andar - Sala 8

E-mail: revistamidia@revistamidia.com.br

Tel. (35) 3551-2040 - Guaxupé  MG